As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Reformas nas lagoas de Sete Lagoas

Recebemos no CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL E SANITÁRIA da FACULDADE SANTO AGOSTINHO DE SETE LAGOAS, o Sr. Antônio Maciel (conhecido carinhosamente como Toninho Macarrão), funcionário de carreira da Prefeitura Municipal de Sete Lagoas, que em uma palestra acompanhada com grande atenção pelos alunos da disciplina BIOLOGIA E RECUPERAÇÃO DE ECOSSISTEMAS LACUSTRES explanou sobre as reformas sofridas pelas lagoas de nossa cidade em tempos recentes.

Sobre a Lagoa Paulino, contou-nos que a mesma passou por várias reformas, sendo a última conduzida em 2013, com esvaziamento parcial, retirada de parte do assoreamento, eliminação de pontos onde ocorriam vazamentos de esgoto e recuperação do seu talude que se encontrava com vários pontos de erosão. A obra teve contratempos pois a empresa vencedora da licitação abandonou a obra na metade de sua execução, sendo que a Prefeitura Municipal teve que realizar a finalização, correndo contra o tempo pela proximidade do período de chuvas.

Início do esvaziamento da Lagoa Paulino. Notem o estado do talude.
Com o esvaziamento observam-se as "bacias" formadas pelos peixes que se alimentam do lodo do fundo da lagoa (especialmente as carpas e tilápias). A movimentação constante do lodo contribui para a eutrofização da lagoa.

Talude recuperado com recolocação das pedras.
Fotos: Ramon L.O. Junior
Maciel esclareceu aos estudantes que a Lagoa da Boa Vista também já passou por várias reformas importantes. A última, e de grande expressão, ocorreu em 2013 com esvaziamento total, retirada de praticamente todo o assoreamento depositado nos últimos anos, eliminação de pontos onde ocorriam vazamentos de esgoto e recuperação do seu talude com um novo enrocamento de pedras em forma de gabião e com o uso de manta sob esses pontos. A falta de licença da Secretaria Estadual de Meio Ambiente para o esvaziamento total da lagoa acabou gerando uma multa ao município. Contudo, justificou-se a ação pela demora incomum em se conceder ou não a referida licença por parte do órgão estadual. Com isso, no início de 2013 foram realizadas obras, com o intuito de melhorar o aspecto físico-ambiental da lagoa. Algumas das ações realizadas pela Secretaria de Obras, Infraestrutura e Políticas Urbanas da Prefeitura de Sete Lagoas, foram: desassoreamento por meio da inclusão de mantas para impermeabilização do fundo da Lagoa, colocação de bancos, rampas de mobilidade urbana e lixeiras ao redor do ambiente lacustre.

O esvaziamento da Lagoa da Boa Vista teve que ser feito com auxílio de bomba devido ao posicionamento incorreto da comporta construída anteriormente.

Recuperação do talude com a construção de gabião.

Parte recuperada do talude com enrocamento de pedras sobre lona e amarração com tela.
Fotos: Ramon L. O. Junior
Já a lagoa do Cercadinho sofreu, a partir do ano de 2004, uma revitalização, após o decreto nº 2.917 de 2003. Em sua revitalização foi removida parte do material que a assoreava e foram revitalizados os minadouros. As ações não puderam ser concretizadas pois pretendia-se usar uma manta impermeável no fundo da lagoa, entretanto a chegada das chuvas precipitou o encerramento da mesma. Contudo, as ações realizadas foram efetivas e a lagoa tem mantido o espelho d'água com certa estabilidade.

Construção de barragem subterrânea (com lona plástica) no sentido longitudinal da Lagoa do Cercadinho.

Afloramento de água no leito da Lagoa do Cercadinho como resultado da revitalização dos minadouros.
Fotos: Secretaria Municipal de Obras de Sete Lagoas
Mais informações sobre as obras realizadas encontram-se no trabalho produzido pelos alunos da disciplina com base nas informações repassadas oralmente e por meio de documentos que pode ser acessado AQUI.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Regularização da APA Ribeirão do Paiol se aproxima de desfecho em prol da preservação ambiental

Após a realização de diversos estudos e audiências públicas, tramita na Câmara Municipal de Sete Lagoas o Projeto de Lei Complementar que regulariza a APA Ribeirão do Paiol em seu aspecto mais notável que o Zoneamento Ecológico-Econômico.

Mapa de Zoneamento da APA Ribeirão do Paiol

A APA foi instituída pela Lei Municipal no 5.748 de 18 de dezembro de 1998 como "Área de Proteção Ambiental do Ribeirão Paiol", localizada no município de Sete Lagoas/MG, ao norte de sua área urbana, perfazendo uma área de aproximadamente 8.961 hectares e um perímetro aproximado de 54,18 km. É importante salientar que, no presente momento, encontra-se em discussão o Zoneamento da APA e não seu perímetro, já definido na lei supracitada. Reduções do perímetro original, como cogitado por algumas pessoas durante a última semana, tem graves consequências. Essa redução ocorreu por exemplo com a APA Serra de Santa Helena e ocasionou a entrada do Ministério Público no processo com a aceita arguição de inconstitucionalidade dessa e de outras ações. Apesar da redução do perímetro da APA Serra de Santa Helena ter alguns atenuantes (como a "invasão" do Bairro Alvorada em terrenos da APA), a redução é juridicamente vista como incorreta dentro do "Princípio do Proibição do Retrocesso Ambiental" que  funciona "para mostrar que não se trata de uma simples cláusula, mas de um verdadeiro princípio geral do Direito Ambiental, na medida em que o que está em jogo é a salvaguarda dos progressos obtidos para evitar ou limitar a deterioração do meio ambiente."  (Para ler mais sobre tal princípio, clique AQUI.) 
As justificativas para a imediata regulamentação do zoneamento decorrem do fato que a sua ausência tem acarretado diversos problemas, como a existência de estradas vicinais em locais inadequados, ocupações irregulares da região, invasões, exploração agressiva dos recursos naturais e falta de fiscalização; isso sem contar a impossibilidade técnica da prefeitura emitir anuências em relação a empreendimentos de qualquer natureza que estejam instalados ou queiram se instalar na região em conformidade com a situação de uma APA.
Os estudos foram muito bem executados e acompanhados pelas instâncias estaduais que comemoram sua realização e aguardam sua implantação definitiva. Também o Ministério Público tem sido informado de todos os passos e acompanha o processo guardando a equidistância com os demais poderes, como lhe é peculiar.
A figura abaixo nos mostra que mesmo em uma região bastante antropizada, com comunidades instaladas como Estiva e Silva Xavier, será possível uma preservação nas Zonas Rural do Cerrado e Da Vida Silvestre de 4514 hectares, ou seja, mais de metade da área total da APA.


Certamente, nossos vereadores saberão enxergar o ganho ambiental para o município e o benefício pela regularização da situação de tantos moradores e proprietários de terra na região.

Ramon Lamar de Oliveira Junior

PS.: Foi aprovada na Câmara Municipal por unanimidade!!!

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

AULÃO GRATUITO PARA CONCURSO DA PREFEITURA

Amanhã darei o AULÃO GRATUITO para os concursos da Prefeitura Municipal para Agente de Endemias e Agente Comunitário de Saúde. 
Ontem, quando cheguei na Faculdade, uma funcionária me perguntou "- Ramon, algumas pessoas ligaram para cá falando que ficaram sabendo que as inscrições para o AULÃO já se esgotaram e que ficaram chateadas. Como assim?". 
Obviamente fiquei surpreso pois as inscrições serão feitas no dia da aula, à tarde, mediante a doação de uma caixa de leite longa vida que doaremos para uma instituição que ajuda pessoas carentes. Se nem houve inscrição para o AULÃO como é que elas podem ter esgotado? 
As inscrições para o Concurso sim, estão esgotadas pois foram encerradas dia 11/11 depois de um adiamento.


sábado, 12 de novembro de 2016

E LÁ VEM MAIS BOMBA NO FANTÁSTICO SOBRE O ENEM 2016

Pela chamada da reportagem, algumas pessoas tiveram acesso ao caderno azul do primeiro dia e com meia hora de prova já estavam transmitindo as respostas para os candidatos. O pior é que temos que esperar até domingo à noite para saber desse caso!!! Ridículo!!!






quinta-feira, 10 de novembro de 2016

POLÊMICA NO ENEM 2016: ERROS DEMAIS NOS GABARITOS EXTRA-OFICIAIS (OU NO OFICIAL?)

O ENEM2016 foi um poço de polêmicas: invasões, fraudes, vazamento do tema de redação, uso de um tema de redação parecido com o de uma "prova fake" de 2015... e por aí vai. Então, vamos aproveitar e mudar o tempo verbal: foi ou é um poço de polêmicas? Passada a maior parte da discussão, faltando ainda a segunda e a terceira aplicações (PPL) uma coisa me chamou a atenção desde que os gabaritos extra-oficiais começaram a ser divulgados: discrepâncias. Depois vem a publicação do gabarito oficial e o que era provável se manifestou de forma inequívoca: erros demais, ou melhor, divergências demais. 
Abaixo, selecionei dois gabaritos extra-oficiais divulgados na internet por escolas consideradas ótimas, de renome nacional. Fixei nessas duas, que evidentemente não vou divulgar o nome, mas poderia ter escolhido outras versões de gabaritos ainda... com um número maior de divergências... contudo ligadas a sites e não a escolas físicas.

Clique nas imagens para ampliar.
Observem que, de acordo com os gabaritos da ESCOLA A e do MEC, há DUAS divergências no primeiro dia, ambas na prova de Ciências Humanas e suas tecnologias. E no segundo dia, de acordo com os gabaritos da ESCOLA B e do MEC, há OITO divergências, sete delas na prova de Linguagens e Códigos.
Desculpem, mas DEZ divergências eu acho muito e acho preocupante. E repito que, se eu tivesse escolhido outros gabaritos divulgados a divergência seria maior ainda (quem duvida é só pesquisar... é trabalhoso, mas dá para fazer).
O que está acontecendo? Se os professores, em grupo, estão tendo dificuldade de entrar em um consenso a respeito da resposta das questões do EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO (há controvérsias se alguns assuntos abordados são de ensino médio mesmo), como estaria então a situação dos alunos que não podem consultar nada ou ninguém durante a prova, não têm formação acadêmica e ainda têm o tempo contado e a responsabilidade de zelar pelo futuro profissional???
Abaixo, as dez questões sobre as quais pairaram as dúvidas acima. O tamanho de algumas delas talvez explique um pouco da dificuldade DOS ALUNOS em achar a resposta:











Ramon Lamar de Oliveira Junior

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Curso de Medicina em Sete Lagoas

Acabo de reunir-me com o Prefeito Márcio Reinaldo de quem obtive ótimas notícias sobre o Curso de Medicina em Sete Lagoas. As tratativas estão em adiantado estado, inclusive com a participação do prefeito eleito Leone Maciel. 
A prefeitura está dando todo o apoio para a instalação do curso que espera-se ocorra ainda no primeiro semestre de 2017, mesmo que seja necessário funcionar em local provisório antes da construção do novo prédio. E o mais interessante é o que se refere às tratativas para se garantir um certo número de vagas para os estudantes de Sete Lagoas e com ajuda de Bolsa de Estudos. 
Tudo indica que as instalações serão construídas em terreno doado pela prefeitura, nos mesmos moldes do que foi feito para a Faculdade Santo Agostinho, ou seja, em troca de bolsas de estudos. O terreno mais provável é próximo ao futuro Hospital Regional.
Se as provas forem em fevereiro, estarei de plantão para dar um curso de Química e Biologia para ajudar meus alunos na aprovação, resta saber o modelo de seleção, programas, datas...

domingo, 6 de novembro de 2016

Curso de Biologia e Química Pós-ENEM para candidatos aos vestibulares de MEDICINA.


Todas as aulas serão ministradas por mim. A primeira aula será no dia 9 de novembro, próxima quarta-feira: Biologia 19h00 e Química 20h45. Além da resolução de questões, poderão ser feitos resumos teóricos sobre pontos específicos dos programas. Ênfase para os vestibulares de Medicina. Informações e calendário das próximas aulas sempre na página www.professorramonlamar.blogspot.com

Ramon Lamar